Reunião da Câmara Municipal é marcada por reivindicação de estudantes e professores

0
218

A Câmara Legislativa de Buritis realizou na noite desta segunda-feira (29) mais uma reunião no Plenário Antonino Cândido Lopes, com a presença de alunos do 1º, 2º e 3º ano da extensão da Escola Estadual Argemiro Antônio do Prado na Vila Serrana, dos pais de alunos, dos professores estaduais e do diretor da escola, Pedro Paulo.

Dentre os assuntos em pauta, foram apresentados diferentes problemas municipais e o principal assunto debatido nesta noite, foi a falta de transporte aos professores estaduais de Vila Serrana e Distrito de São Pedro do Passa Três.

Desde a reunião da semana passada, os vereadores ficaram por decidir a votação do Projeto de Resolução 08/2018, que autoriza a transferência de um veículo da Câmara Municipal para a Prefeitura Municipal, a fim de resolver o impasse no transporte de professores estaduais, que residem em Buritis e lecionam em escolas de Distritos e Vilas distantes, a cerca de 30 km da cidade.

Estudantes no Plenário da Câmara Municipal de Buritis – MG

A Vereadora Camila Almeida (PT) relatou ser inadmissível o poder executivo dizer que não há transporte para os professores e pede que o prefeito eleito Keny Soares, cumpra sua missão e seja presente e atuante no município. Em contrapartida, a vereadora elogiou a atitude do prefeito em exercício, Rufino Folador, em procurar o poder legislativo para uma parceria, a fim de resolver o problema do transporte dos professores.

Para o vereador Didé Fernandes (PMB), o governo municipal vem encontrando dificuldades em atender os professores. O vereador solicitou da Secretaria de Obras a tampa de bueiros e uma orientação aos moradores no que diz respeito aos novos horários da coleta de lixo na cidade.

O assunto do lixo também foi abordado pela vereadora Nílvia Prisco (PRTB), principalmente no bairro Taboquinha e nas estradas adjacentes do município com destino a zona rural. A vereadora fez o convite para a população participar da Cavalgada do Raul neste próximo fim de semana e contribuir com a APAE, e esclareceu aos moradores do bairro Veredas, que a Secretaria de Obras se comprometeu a arrumar as ruas sem asfalto do bairro.

O Presidente da Câmara, Branquinho Barbosa (PSDB) esclareceu à população sobre o problema com o transporte dos professores estaduais, e que foi procurado pelo prefeito em exercício, Rufino Folador, juntamente com os professores, para uma possível parceria entre os poderes municipais.

Reunião no Plenário da Câmara Municipal de Buritis – MG

A questão do transporte municipal foi o assunto abordado pela vereadora Waninha da Prefeitura (PT do B), que solicitou informações sobre as manutenções a serem realizados nos ônibus universitários e convida a todos os interessados para uma fiscalização, ainda esta semana, na garagem da prefeitura. A vereadora pediu à Secretária de Saúde para rever o horário de funcionamento da Farmácia Municipal e também ao governo municipal, solicitou melhorias para o bairro Taboquinha.

A vereadora Martina da Serraria (DEM) informou sobre a visita feita no bairro Taboquinha e que acompanha o trabalho realizado nas ruas deste bairro, através da Secretaria Municipal de Obras. A vereadora pede o asfalto para o Taboquinha, mesmo que seja feito através de linhas de crédito ou com recurso próprio do poder municipal. Durante a sua fala, um dos moradores do bairro pediu serviço de obras na avenida Frei Pio Bars.

“Os alunos é que são os maiores prejudicados”, foi a fala do vereador Toinzinho da Vila Serrana (PRB), que também falou sobre a necessidade de manutenção dos ônibus municipais e alerta quanto aos riscos de veículos longos, sem revisão nem manutenção, apresentarem problemas mecânicos na descida da Serra Olhos D’água.

De volta ao assunto principal da reunião, O Projeto de Resolução que trata da transferência do veículo Fiat Pálio Weekend Adventure, modelo/2012, para a prefeitura municipal, foi para a primeira votação no Plenário da Câmara.

O Presidente da Mesa Diretora, vereador Branquinho votou favorável ao Projeto. A Vereadora Waninha questionou sobre a utilização de um veículo da prefeitura nas segundas e sextas-feiras, com gastos em combustível e motorista, para buscar o Secretário de Administração Municipal no Distrito Federal e reivindica essa situação. Elogia o prefeito Rufino por ter procurado ajuda e parceria junto ao poder legislativo municipal e se diz também favorável ao Projeto.

O vereador Geldo da Mariquita (PSL) votou favorável ao Projeto e disse estar do lado dos estudantes e dos professores. O vereador Didé pede que o governo municipal atenda o compromisso, com a solução deste problema através da doação do veículo.

A Vereadora Camila votou favorável ao Projeto e a vereadora Martina da Serraria também, já o vereador Carlos Fernando diz apoiar a devolução do transporte aos professores, mas é contrário à doação do veículo, que diz não estar em boas condições e precisa passar por manutenção. O vereador disse votar favorável, somente se tiver um acordo por escrito entre os poderes legislativo e executivo municipal, definindo a utilização do veículo em prol dos professores.

Carlos Fernando indagou o vereador Branquinho sobre o objeto do Projeto, a responsabilidade de revisão e abastecimento do veículo a ser doado. O vereador Branquinho Barbosa explicou o pedido feito pelo prefeito Rufino e disse que a Câmara está disponível para parcerias, no que for somar para o município. O compromisso foi feito diante dos professores e a Câmara se compromete em uma ajuda de 500 reais mensais, para abastecimento do veículo e manutenção em dia, na entrega do mesmo.

Vereadores em reunião no Plenário da Câmara Municipal de Buritis – MG

O diretor da extensão da Escola Argemiro na Vila Serrana, Pedro Paulo, falou com a nossa equipe sobre as dificuldades encontradas nessa situação. São 68 alunos que fazem parte do período noturno, atingidos por esse impasse no transporte de professores. Para Pedro Paulo, “a maior dificuldade está na falta de comunicação, em não serem informados sobre essa decisão do governo municipal, que alega não ter recursos financeiros e que automaticamente realizou o corte do transporte, prejudicando a ida e volta dos professores para lecionar”.

Na Escola Estadual São Domingos no Distrito de São Pedro do Passa Três, são 179 alunos prejudicados na mesma situação, e 4 professores que dependem de carona de volta para casa, após concluírem seus horários de trabalho.

Durante esta semana, os professores ainda não terão o veículo para transportá-los ida e volta do trabalho, mas na próxima segunda-feira, será realizada a segunda e última votação do Projeto na Câmara, e conforme foi verificado a maioria dos vereadores a favor nesta primeira votação, provavelmente será autorizado a transferência do veículo para o transporte dos professores estaduais, na próxima semana.

O poder executivo informou ao Presidente da Câmara, que custeará os gastos com motorista, as manutenções do veículo após sua transferência e também o complemento do combustível gasto no transporte dos professores.

Matéria relacionada: Professores Estaduais sofrem com a falta de transporte para Vila Serrana e Passa Três.

 

Deixe uma resposta