Audiência pública debate implementação de escola cívico-militar em Buritis

0
614

 

Pais, alunos, professores e diretores escolares participaram de uma audiência pública realizada pela Prefeitura Municipal de Buritis através da Secretaria Municipal de Educação, para exposição da proposta de implantação da escola cívico-militar na Escola Municipal Cândido José Lopes. A audiência realizada na noite da terça-feira (28) na quadra da escola, contou com apoio da Associação Brasileira às Entidades Educacionais Cívico Militares – ABEMIL e com a participação de autoridades educacionais de Buritis e do Distrito Federal, de representantes do Poder Executivo Municipal e da Polícia Militar.

Foto: TV Rio Preto - Buritis/Divulgação

Foto: TV Rio Preto – Buritis/Divulgação

De acordo com o Artigo 16 do Decreto 9.465 de 02 de janeiro de 2019, compete à Subsecretaria de Fomento às Escolas Cívico Militares criar, gerenciar e coordenar programas nos campos didático pedagógico e de gestão educacional, com base nos modelos pedagógicos dos colégios militares para o ensino fundamental e médio das escolas estaduais e municipais.

O Projeto inicial terá que passar pela Câmara de Vereadores para ser aprovado, se tornar um Projeto de Lei e seguir para o executivo municipal. O projeto proposto, se aprovado, fica previsto a implantação até março deste ano e será custeado pela Prefeitura Municipal.

Foto: TV Rio Preto - Buritis/Divulgação

Foto: TV Rio Preto – Buritis/Divulgação

Perguntados sobre a aprovação da proposta de implantação da escola cívico-militar em Buritis, a grande maioria do público presente no ginásio da escola se manifestou a favor. De acordo com a Secretária de Educação, Marina Campos, os próximos passos são levar os resultados dessa audiência para o prefeito municipal e para a Câmara Legislativa, juntamente com a equipe pedagógica e realizar visitas em escolas de Brasília que já implantaram o projeto. Para a direção da escola, a proposta é bem-vinda para melhorar a educação e é benéfica para a comunidade.

Deixe uma resposta